i Ei! Marionetas 2017
Ei! Marionetas - Encontro Internacional de Marionetas de Gondomar

Ei! MARIONETAS 2016

Teatro Dom Roberto

26 MAIO 16.00

A Companhia

A Limite Zero assume-se como organismo cultural voltado para a concretização de iniciativas em diversos domínios artísticos. A nossa atividade estende-se à produção de espetáculos de teatro e de formas animadas, à produção vídeo, e também à formação.

Assim, não limitando a nossa atividade à produção e promoção de eventos culturais, criámos ainda um espaço de experimentação e cruzamento de diversas linguagens artísticas, nomeadamente: a expressão dramática, as formas animadas e o vídeo.

Concordando com a importância que hoje assumem as correntes pedagógicas que apelam à educação pela arte, a Limite Zero procura criar oficinas para crianças e adultos, que aliam a experimentação e descoberta ao prazer de uma aprendizagem criativa. Temos, por isso, disponíveis diversos ateliês no âmbito da expressão dramática, da escrita criativa, da construção de formas animadas e da utilização do multimédia.

Assumimos o nosso espaço como lugar de cruzamento de linguagens artísticas, de experimentação e de aprendizagem.

É nosso propósito dialogar com a comunidade através da arte.

Sinopse

Este espetáculo resulta de uma recolha etnográfica do teatro popular português de fantoches de luva. Representado há cerca de 3 séculos por companhias ou bonecreiros solitários, que percorriam o país alegrando ferias, praias e romarias, foi-se perdendo ao longo dos tempos, estando apenas na memória da infância de uma geração mais velha. Da tradição europeia de fantoches populares, o Teatro D. Roberto é aquele que se apresenta mais depurado de artifícios cénicos, vivendo apenas dos personagens e da ação que se desenvolve entre eles.

O Barbeiro » No seu dia de casamento, D. Roberto resolve ir ao barbeiro para fazer a barba. Ao longo de muitas peripécias, o barbeiro executa a sua tarefa e, finalmente, apresenta a conta. D. Roberto recusa-se a pagar. Lutam e D. Roberto acaba por matar o barbeiro. Vem a Morte buscar a vitima e pretende levar D. Roberto consigo. Luta de vida ou morte que, naturalmente, D. Roberto vence, matando a própria Morte.

A Tourada » Não contendo propriamente um enredo dramático, esta peça descreve-nos as diferentes fases de uma corrida de touros à portuguesa, com os seus personagens típicos: o campino, o toureiro e, claro, o touro.

 

 

Ficha Artística