Ei! Marionetas / Teatro e Marionetas de Mandrágora

Ei! Marionetas / Teatro e Marionetas de Mandrágora

Ei! Marionetas - Encontro Internacional de Marionetas de Gondomar 2024


Palco das Marionetas [ EXPOSIÇÃO ]


5 JUL . SEXTA > 19 JUL . SEXTABiblioteca Municipal de Gondomar Camilo de Oliveira
Palco das MarionetasPalco das Marionetas

Palco das Marionetas

Esta é uma viagem de sensações, pela poesia da arte da marioneta, uma caminhada feita figuras que viveram muitas histórias e que convidam os visitantes a sentir. Marionetas muito pequenas e muito grandes, de vara, de luva, de mesa, de sombra, um sem fim de propostas, espaços sonoros, tranquilos e de festa, lugares de luz e sombra, figuras que ganham vida.

A cada passo uma nova descoberta, que desafia quem por ela passa. Um lugar de metáforas que se envolve com o património numa travessia conjunta.

Nesta viagem são apresentadas peças que percorreram os 22 anos de história do Teatro e Marionetas de Mandrágora.

o que o Ei! tem a dizer

Nesta constante viagem, o “Palco das Marionetas” estará patente nesta 10.ª edição a celebrar conjuntamente. A exposição tem tido uma grande viagem, e após ter estado patente na Escola Superior de Educação do Porto chega ao Encontro, antes ainda de partir para a cidade da Guarda.

Estão patentes marionetas, adereços e cenografias, uma peça dedicada a invisuais e ainda áudio guias explicativos.

Teatro e Marionetas de Mandrágora

O Teatro e Marionetas de Mandrágora é uma companhia profissional de teatro de marionetas com direção artística de Clara Ribeiro e Filipa Mesquita e direção plástica de enVide neFelibata. A Companhia foi fundada a 2 de abril de 2002. Na simbiose de uma linguagem simbólica que conjuga o património e o legado tradicional com o pensamento e a dinâmica da sociedade contemporânea, num diálogo nem sempre pacífico surge um elemento fundamental, a marioneta. Este elemento apoia-nos na procura de uma identidade cultural própria.

O nosso objetivo é o de descobrir as potencialidades estéticas, plásticas, cénicas e dramáticas da marioneta em si mesma, como em relação com o ator e nessa descoberta explorar a dramaturgia que nos caracteriza: a de explorar a cultura, a crença e a lenda aliada à urbe, à exploração tecnológica e à velocidade da aldeia global. Ao longo do nosso percurso artístico têm sido diversas as propostas quer nos públicos; adulto, jovem, escolar e familiar; quer na formação de base ou especializada. Uma das nossas grandes apostas é a digressão nacional e internacional dos projetos. Descentralização, trabalho comunitário, criação em parceria e a valorização social e inclusiva são preocupações preponderantes no nosso quotidiano.

 

Ao longo destes 22 anos afirmámos a Companhia como uma estrutura de criação artística contemporânea através das dezenas de propostas de espetáculos apresentadas nacional e internacionalmente, quer sejam criações próprias, bem como em colaboração com outras estruturas e entidades culturais nacionais e internacionais.

Temos como premissa dar espaço à liberdade criativa da nossa equipa artística, garantindo a existência dentro da própria estrutura de várias linguagens e diversas visões que se unem num ponto comum do desenvolvimento da arte do teatro das marionetas. A ponderação sobre a problemática das fragilidades sociais e um olhar atento sobre tradições e sobre o património são as bases da dramaturgia da estrutura que se consolidam em olhares distintos, mas simultaneamente convergentes.

É fundamental o diálogo com os diferenciados públicos e a envolvência da criação nos distintos contextos e espaços, bem como a interceção entre entidades e estruturas, criando propostas multidisciplinares que visam sobretudo a comunicação artística com os públicos.

Salienta-se ainda a colaboração com inúmeros serviços educativos no programa de implementação de atividades em instituições como monumentos, museus e património edificado.

ficha artística

TEXTOS enVide neFelibata, Filipa Mesquita
REVISÃO enVide neFelibata, Filipa Mesquita
EDIÇÃO ÁUDIO enVide neFelibata
DIREÇÃO ARTÍSTICA enVide neFelibata
CURADORIA enVide neFelibata
CENOGRAFIAS, MARIONETAS, FIGURINOS E ADEREÇOS Clara Ribeiro, enVide neFelibata, Filipa Mesquita, João Pinto, Manuel Matos Silva, Marta Fernandes da Silva, Migvel Tepes, Patrícia Costa
EQUIPAMENTO EXPOSITIVO enVide neFelibata, Migvel Tepes
DESIGN enVide neFelibata
MONTAGEM enVide neFelibata, Hélder David Duarte
DESMONTAGEM enVide neFelibata, Hélder David Duarte
PRODUÇÃO EXECUTIVA Hélder David Duarte
PRODUÇÃO Teatro e Marionetas de Mandrágora
APOIO República Portuguesa - Cultura, DGARTES – Direção-Geral das Artes, Município de Espinho/Câmara Municipal de Espinho, Município de Gondomar

links


download

ARQUIVO IMAGEM GALERIA 863.7 Kb
OG-6-EVENT.PNG 1.5 Mb
OG-6-FACEBOOK.PNG 4 Mb
OG-6-INSTAGRAM.PNG 3.3 Mb
^